# # # #

5 dicas para economizar na operação e baixar o preço do produto sem perder qualidade

31

maio

2017

baixar o preço de produto economia cobrar barato

Descubra soluções práticas para baixar o preço final do seu Delivery e continuar agradando a clientela

É muito comum pensar que para se ter algo de qualidade é preciso investir altos valores. E há um certo receio por parte de muitos empreendedores em tentar alternativas para economizar nos processos operacionais para baixar o preço de um produto por conta do desafio de se manter um bom resultado final.

No Delivery de comida essa questão merece ainda mais atenção, pois quando se trata de alimento é sempre bom zelar pelo melhor e entregar não só sabor como também bem-estar ao consumidor.

Mas aí há uma questão: como fazer para economizar e ainda assim ter um produto de qualidade e com preços competitivos?

Vamos responder agora!

 

  1. Criatividade em alta

Solte a imaginação quando o assunto é criar. Aposte em uma embalagem criativa e barata, mas que ainda assim seja visivelmente agradável e mantenha  a qualidade da refeição. Parece muito? Mas não se preocupe, tem solução.

Os tradicionais carimbos, por exemplo, passaram a ganhar destaque principalmente em produtos artesanais. Eles são mais baratos e substituem os adesivos, ou embalagens personalizadas, que costumam ser mais caras.

E como a criatividade não tem limites, aqui vai um exemplo bem diferente: o designer israelense Tal Marco desenvolveu uma embalagem feita com folha de bananeira. Com baixo custo e ecológica, a embalagem ainda é ideal para alimentos por ser impermeável e a estética é muito bonita.

  1. Para baixar o preço, acerte na dose

Observe se os ingredientes estão sendo dosados corretamente durante a elaboração da refeição. Para isso é possível padronizar as receitas. Assim, ficará mais fácil saber a quantidade exata de insumos que deve ser comprada e utilizada, e o desperdício de alimentos é evitado.

Economizando na produção as chances de baixar o preço final para o consumidor aumentam.

  1. Por falar em padronizar… padronize!

Manter um padrão para as receitas não é a única alternativa. Padronizar os processos administrativos evitará falhas e o gestor não correrá risco de ter algum tipo de prejuízo, seja por uma conta que não fecha no final do mês, ou por um erro na contagem do estoque.

Conte com uma ferramenta automatizada para isso, pois dessa forma a chance de falhas na Gestão Operacional diminui e a execução das tarefas será muito mais eficiente.

  1. Transporte rápido e barato

Combustível, manutenção dos veículos, seguro, contratação de motoboys, entre outros gastos podem pesar no financeiro.

Mas é possível pensar em outras alternativas de transporte. A bicicleta é uma opção bastante utilizada atualmente. Ela é muito econômica, já que praticamente só a manutenção, que é barata, e a mão de obra entrariam nos custos.

Outra opção é o Tuk-Tuk, modelo de triciclo que tem gastos muito semelhantes aos da moto, mas com a vantagem de poder levar uma quantidade maior de entregas, sendo mais produtivo e compensando os gastos.

Esses são exemplos que também geram mais agilidade na entrega,  algo que impacta nos custos e cuja economia pode ser repassada ao produto, o que permite baixar o preço dele.

  1. Delivery online, claro!

Os pedidos online ganham cada vez mais a preferência dos consumidores, realidade que traz benefícios para o empreendedor, já que essa torna-se uma opção mais barata em termos operacionais.

Ao disponibilizar o cardápio em sites ou aplicativos, oferecer autonomia para cadastro, efetuação do pedido e pagamento ao cliente, é possível otimizar equipes e praticamente eliminar as altas contas de telefone.

Além disso, a chance de falhas no atendimento diminui e a possibilidade de captar e fidelizar novos clientes impacta no aumento das vendas.

Economizar em todos esses setores certamente ajudará a baixar o preço final do seu produto, sem que a qualidade se perca e ainda impactando positivamente no faturamento da empresa.

 

Se você tem mais ideias de como baixar o preço das refeições no Delivery, compartilhe sua experiência conosco.

E se quiser saber mais sobre o Sistema Vitto, acesse sistemavitto.com.br, ou entre em contato pelo comercial@sistemavitto.com.br

 

Referências Bibliográficas

LIRA, Adriano. Tuk-tuk chega ao Brasil e vira oportunidade para empreendedores. Pequenas Empresas & Grandes Negócios, 2014

 

Gostou? Comente