# # # # #

Acerte na embalagem de comida Delivery

26

abr

2017

embalagem de delivery comida caixa pizza entrega

A embalagem de delivery tem, sim, poder de influência. Saiba como definir a melhor alternativa para satisfazer os clientes que optam por pedir comida em casa

Quando o consumidor opta por pedir comida Delivery, normalmente ele espera por uma refeição rápida, saborosa e, principalmente, fresca. Mas e a embalagem de delivery, importa?

E como importa! Esse item preserva a refeição em bom estado e ainda pode ser um excelente material de divulgação.

Confira algumas dicas para oferecer a melhor embalagem para a comida Delivery.

 

1º – O que observar ao escolher a melhor embalagem de Delivery?

Aqui vai um guia rápido para iniciar a pesquisa da embalagem de delivery perfeita, que vai satisfazer seu cliente.

Medidas, quantidade e afins

Antes de definir a embalagem:

  • Calcule qual será a medida ideal
  • Defina o tamanho da porção
  • Escolha o meio de entrega que será adotado e o leve em consideração
  • Identifique qual é a temperatura adequada da refeição

 

Escolha bem o fornecedor

Já tem todas as informações anteriores em mãos? Legal! Agora faça uma pesquisa refinada para escolher o melhor fornecedor.

Avalie as condições de pagamento, formas de entrega, possíveis custos com frete. Se há personalização, verifique se a empresa está disposta a fazer testes variados até que chegue no produto que deseja.

Negocie para que o valor da embalagem de delivery não encareça demais o preço final ao consumidor.

 

Defina o material adequado

Está difícil se achar entre tantas opções? Vamos listar alguns materiais que encontramos no mercado para ajudar na busca da embalagem de delivery ideal para a comida.

  • Alumínio – desde as mais simples, com tampa de papel, até as mais sofisticadas, com coloração e tampa de plástico, as bandejas de alumínio são ótimas para conversar o calor da comida. Elas também podem ser aquecidas no forno quando destampadas.
  • Papelão – As caixas de papelão são famosas na entrega de pizzas, mas elas também são bastante utilizadas para salgados em geral. Elas isolam o calor e geralmente são mais resistentes do que o papel cartão, principalmente no que diz respeito ao transporte. Mais utilizadas para porções maiores, ou grande quantidade de comida.
  • Plástico – dentre os plásticos, uma das embalagens mais utilizadas são as de Polipropileno, um termoplástico que é reciclável. Para se certificar de que se trata desse material, é só observar se há um triângulo com o número 5 dentro e as letras “PP” logo abaixo. Elas são boas para o congelamento no freezer, ou aquecimento no micro-ondas.
  • Isopor – as embalagens de Poliestireno Estendido (EPS), ou isopor, são mais simples, mas de comum utilização. De baixo custo e com potencial de isolamento térmico, essa é uma boa opção para sanduíches e doces, por exemplo. São higiênicas e podem ser recicladas.
  • Papel cartão resinado – o fechamento dessa embalagem pode ser por meio de selamento, o que garante uma vedação muito eficiente. Ela pode ir tanto ao forno, quanto ao freezer para o congelamento da comida. Massas costumam ser comercializadas nesse tipo de embalagem.

O papel cartão também é muito utilizado no box de comida chinesa e em caixas para hambúrguer.

 

2º – Não importa o que for, tem que chegar inteiro

Essa regra é clássica. Ninguém quer receber uma pizza com o recheio grudado na tampa da caixa, ou ainda um yakissoba que esteja vazando no box.

É primordial apostar em uma embalagem de delivery que seja bem vedada, que mantenha o alimento firme e que evite ao máximo sua desconstrução.

É claro que o cuidado na entrega também é aconselhável, mas contar com uma embalagem resistente já é de grande ajuda.

Sugestão de soluções:

  • Suporte para copos
  • Potes com boa vedação, ou caixas fechadas por selamento
  • Suporte tripé para caixa de pizza (evita que a pizza desmonte)
  • Embalagens com divisória

 

3º – Mantenha o calor

Comer uma massa fria definitivamente não é o objetivo do consumidor. Se o alimento chegar inteiro, mas frio, não adianta muita coisa.

A embalagem de delivery pode ajudar nessa questão, mas há um item que não pode faltar: a caixa térmica.

Acomodar as embalagens em uma caixa que isole o calor durante o transporte é de extrema importância.

Sugestão de solução:

A marca Brascer, por exemplo, oferece ao mercado uma opção com controle de temperatura e umidade. São as chamadas ‘hot box’, fornos portáteis que aquecem até 80° C por meio de uma base elétrica.

 

4º – Foque na praticidade

Pedir comida já é bom, mas receber a refeição em uma embalagem prática é melhor ainda. É possível surpreender os clientes com sacolas, garrafas, potes, ou até mesmo talheres descartáveis que contam com um design bonito e são funcionais.

Por exemplo, embalagens de delivery que suportam o calor do forno, ou podem ser aquecidas no micro-ondas já farão a diferença.

Sugestão de soluções:

  • Embalagens de alumínio ou de Polipropileno, que podem ser aquecidas
  • Envio de talheres de plástico

 

5º – Embalagem personalizada, sua marca em evidência

Muitos estabelecimentos investem em embalagens personalizadas. Essa não é só uma questão de capricho como também é uma ótima oportunidade de deixar sua marca registrada na memória do consumidor.

São inúmeras opções. A logo pode fazer parte do adesivo que lacra a embalagem, a sacola, ou caixa, pode conter as informações de contato e dos endereços das Redes Sociais, a cor da embalagem pode ser a mesma da identidade visual, por exemplo.

Sugestão de soluções:

  • Busque referências em ferramentas online como o Pinterest, por exemplo
  • Envie panfletos publicitários e cartões de visita junto ao pedido
  • Pense em algo realmente marcante, que ao olhar imediatamente remeta ao seu produto e sua empresa

 

6º – Função dois em um

O mercado trabalha com um grande leque de opções, desde as mais simples até as sofisticadas. Se puder investir em algo que facilmente será reutilizado pelo cliente, aposte sem medo.

Quando a embalagem é bem feita e de qualidade, e oferece a possibilidade de ser reutilizada para alguma outra finalidade, não só o cliente ficará feliz e lembrará com mais frequência da marca, como também o meio ambiente agradecerá.

Aliás, outro ponto positivo é a possibilidade de encaminhar a embalagem para que se faça a reciclagem do produto. A questão ambiental deve sempre ter um espaço no modelo de negócios.

Sugestão de Soluções:

  • Sempre sinalize ao consumidor se a embalagem é reciclável
  • Se tiver a oportunidade, aproveite para dar referências de como reutilizar a embalagem
  • Aposte em materiais resistentes e com design atraente para garantir o reuso

 

Pronto! Agora você está preparado para enviar aos clientes uma embalagem versátil e uma refeição em perfeitas condições de consumo.

Gostou? Compartilhe!

 

Referências Bibliográficas

Precisa de embalagem para Delivery? Saiba o que levar em consideração antes de criar a sua. Fispal, 2016

Gostou? Comente