O guia definitivo das promoções para restaurantes: 9 ideias para você aplicar e aumentar suas vendas!

13

maio

2019

Que as promoções são parte fundamental da rotina de um restaurante, isso todo mundo já sabe. Mas você sabe como fazer uma boa promoção? É o que você vai aprender neste artigo 😉

Para começar vamos esclarecer o que é um boa promoção. Ela precisa atender quatro requisitos principais:

 

1 – Ser vantajosa para o cliente

Esse é o primeiro e mais óbvio objetivo de uma promoção: seu cliente precisa perceber a vantagem que está tendo com ela.

Para que a percepção do cliente capte a vantagem, ela deve ser expressiva. Um erro comum que restaurantes cometem é aplicar uma promoção cujo desconto real é tão pequeno que os clientes não dão valor a ela. Ou pior ainda: fazer o famoso “trocar seis por meia dúzia”, em que não há desconto real nenhum.

 

2 – Ser vantajosa para o restaurante

Ninguém quer pagar para trabalhar, certo? Então a promoção também deve ser lucrativa para o restaurante, não só para o cliente. Afinal de contas, o objetivo principal da promoção é aumentar o volume de vendas a ponto de que o faturamento cresça mesmo que o quanto você ganhe por pedido tenha uma margem menor.

Para atender esse requisito é importante observar quais produtos vão entrar na promoção. A recomendação é que você trabalhe sempre com os que possuem uma margem maior.

 

3 – Ser de fácil compreensão

Essa é a armadilha em que muitos caem por não saberem como fazer uma promoção eficiente.

Na ânsia de fazer uma promoção que seja vantajosa, mas não saber exatamente como, é comum alguns estabelecimentos criarem milhares regras para uma promoção. Um exemplo do que deve ser evitado:

“Na compra de duas pizzas ganhe uma broto, válido somente para compra de duas pizzas grandes da categoria especiais para pedidos feitos só via aplicativo entre as 18h e 20h de segunda a quinta”.

Note quantas regras essa promoção possui: 😖

– O tamanho da pizza (somente grande)

– Quantidade (duas pizzas)

– Categoria da pizza (somente especiais)

– Forma do pedido (somente via app)

– Horário (das 18h às 20h)

– Dias da semana (de segunda a quinta)

As promoções ideais são simples, diretas e fáceis de serem compreendidas. Ao colocar muitas regras para participação você desestimula o cliente a comprar – pois fica mais difícil de que ele atenda todos os requisitos – e também impede que a compra possa ser realizada em todos os canais de atendimento, que é o nosso próximo requisito.

 

4 – Poder ser comprada em todos os canais de atendimento

O item anterior impacta diretamente na forma como o cliente pode comprar a promoção: quando ela é muito complexa, fica inviável disponibilizá-la em alguns canais de atendimento, como o aplicativo de pedidos online.

Permitir a compra da promoção por todos os seu meios de atendimento evita que as linhas telefônicas fiquem congestionadas, pois se essa é a única forma de comprar, então é lá que os clientes vão pedir (e todos sabem que telefone congestionado só causa perda de vendas e exige mais funcionários para fazer o atendimento).

Além desses objetivos principais, nada impede que você tenha objetivos secundários. Um exemplo disso é quando você tem ingredientes estocados há mais tempo do que o ideal e precisa dar vazão para que eles não estraguem. Ou ainda estimular a compra online pelo seu aplicativo, em vez de pelo telefone e WhatsApp.

Legal, mas agora que você já conhece os objetivos principais e sabe que além deles existem objetivos secundários, vem a dúvida prática: quais promoções posso fazer no meu estabelecimento? Vamos te dar vários exemplos de sucesso para o ramo de alimentação!

 

1 – Cupom de desconto

A primeira opção de muita gente é criar um cupom de desconto. Ele tem diversas vantagens, e uma delas é que a percepção de desconto real fica clara para os clientes, já que somente aqueles que receberem o cupom vão ter acesso ao preço menor.

Outra vantagem é a possibilidade de medir quanto exatamente essa ação trouxe de faturamento, já que no Vitto você tem um relatório que exibe todos os pedidos recebidos usando algum cupom.

Essa forma de promoção também pode ser versátil, pois um cupom pode ser limitado somente aos novos clientes, somente a uma compra por cliente (mesmo que o cliente não seja novo), ou ilimitado (qualquer cliente pode usar). Além disso, é a estratégia que mais permite segmentação – algo extremamente importante para otimizar os resultados – já que é possível enviá-lo somente para aniversariantes, clientes que menos realizaram pedidos, clientes mais fiéis e etc.

 

2 – Programa de fidelidade

Uma das maiores cartadas dos donos de restaurante para trazer resultados a médio e longo prazo é o programa de fidelidade. Mas não estamos falando dos antigos selos nas caixas de pizza ou adesivos colados em cartões de papel, que só frustram o cliente que perde facilmente esse material.

Em tempos digitais, o programa de fidelidade também precisa ser, e o empreendedor não pode ter pressa para colher seus resultados, já que a principal função dele é fazer com o que cliente peça no seu estabelecimento, e não no corrente (e assim ganhe um bônus ao final de várias compras).

 ⚠ Mas atenção: para fazer esse tipo de promoção ser vantajosa para o restaurante, é importante que os bônus que o cliente acumula estejam ligados ao valor que ele gasta, não ao produto que compra. Não é raro ver estabelecimentos que tiveram prejuízos porque, por exemplo, o cliente fez 10 pedidos da pizza mais barata e na hora de trocar pelo brinde, escolheu uma mais cara.

No programa de fidelidade disponível no Vitto os pontos são acumulados de acordo com o valor que o cliente gasta. Se ele faz pedidos menores, vai demorar ma is para acumular pontos e trocar por um item grátis. Além disso, as taxas de entrega não contam para acumular e nem para serem trocadas por pontos 😉

 

3 – Desconto sobre o cardápio inteiro

Essa opção é excelente para quando o restaurante faz um reajuste nos preços, mas mantém um desconto nas primeiras semanas para não espantar os clientes (que pode ser um objetivo secundário), além de atingir com maestria o objetivo principal número 3 que já falamos. Quer promoção mais fácil de ser compreendida do que um desconto fixo em tudo?! 😉

Outra vantagem é a abrangência: diferente do cupom de desconto, no qual só os clientes que recebem o cupom tem acesso, um desconto aplicado diretamente aos preços do cardápio permite que todos os seus clientes aproveitem a oferta, mesmo que não tenham sabido dela antecipadamente.

 

4 – Desconto sobre alguns itens específicos

Diminuir o preço de apenas alguns itens do cardápio é uma ramificação da dica anterior.

Essa estratégia de promoção é ideal para ser aplicada em produtos que você precisa dar vazão rapidamente, estimular a compra de itens novos do cardápio, ou mesmo para fomentar a venda daqueles pratos em que se tem uma margem de lucro maior.

 

5 – Promoções de acordo com o dia

Um dos fatores que pode impedir restaurantes de realizar uma promoção é o medo de ocupar os horários de maior movimento com pedidos de valor menor.

Para esses casos uma solução é disponibilizar o desconto somente nos dias da semana de baixo movimento, como segunda, terça e quinta-feira, por exemplo. Mas aqui vale ficar atento para o desconto não ter outros impeditivos além do dia, caso contrário a promoção pode começar a ficar complicada e já sabemos como isso termina, não é?

Essa é uma estratégia excelente para utilizar toda a capacidade de produção do restaurante e evitar o tempo ocioso da sua estrutura e equipe.

No Vitto é possível exibir categorias de produtos de acordo com o dia da semana e horário. Essa função pode ser usada tanto para ativar/esconder promoções, como também para quem trabalha com um cardápio no almoço e outro diferente no jantar. 😉

 

6 – Combos promocionais

Um clássico entre as mais variadas culinárias, esse tipo de promoção se adequa bem a todos, pizzarias, restaurantes japoneses, hamburguerias e muito mais.

Aqui é regra é clara: dois ou mais produtos por um valor fixo. A grande vantagem desse formato é que aumenta o ticket médio, e o pulo do gato fica com a venda separada das bebidas: como a maioria dos pedidos inclui comida + bebida, deixe-as de fora dos combos e torne-as um ponto de alta lucratividade ao serem compradas de forma separada. 😉

 

7 – Compre um produto X e ganhe um produto Y

Esse modelo de promoção pode ser extremamente vantajoso para o restaurante, visto que o brinde pode ser um item de baixo custo de produção, mas com muito valor agregado ao cliente, como uma sobremesa, por exemplo.

Além disso, esta é mais uma das oportunidades de oferecer para o cliente algo que você precisa dar vasão e, desta forma, unir o útil ao agradável 😉

 

8 – Taxa de entrega grátis

Mas nem só de descontos nos produtos podem ser feitas promoções. Quem faz delivery e não tem margem suficiente para baixar preços pode também trabalhar com ofertas na taxa de entrega.

Uma das opções é oferecer essa vantagem somente em um canal de atendimento (como o aplicativo, por exemplo) para estimular as compras por ele, ou ainda somente para alguns bairros – que é uma ótima ideia para fomentar as vendas em regiões que você tem pouco alcance ainda.

 

9 – Desconto para pagamento online

Mais uma alternativa para quem não consegue mexer no preço é oferecer um desconto conforme a forma de pagamento.

No Vitto, por exemplo, é possível configurar um desconto automático para pedidos feitos com pagamento online. E com isso são atingidos vários objetivos secundários interessantes: quanto mais clientes pagam online, menos máquinas de cartão são necessárias no restaurante, menor o risco de a máquina falhar na casa do cliente, e mais agilidade no seu delivery, já que motoboys não precisam esperar os outros voltarem para usarem a máquina.

Vale lembrar que não existe uma fórmula mágica que vai te dizer qual promoção vai ser mais lucrativa para o seu negócio. Testar as várias opções e observar qual traz mais retorno faz parte das estratégias de vendas de todos os tipos de empresa. Para fazer esses testes sem passar uma imagem de bagunça para seus clientes, nossa sugestão é lançar uma promoção de cada vez desde o início informando que é válida por tempo limitado (“somente durante o inverno”, “exclusivo para o mês de novembro”, por exemplo).

Por fim, deixamos uma dica extra: não adianta fazer uma mega oferta e não informar seus clientes que ela existe. Então nossa recomendação é: faça uma publicidade consistente sobre ela!

Agora que você está cheio de boas ideias de promoções para o seu restaurante, que tal ler nosso material com dicas de marketing para aprender a divulgá-las? O e-book é grátis e pode ser baixado clicando aqui.

 

Gostou? Comente